Dicas e sugestões de carnes para fazer a melhor feijoada

Dicas e sugestões de carnes para fazer a melhor feijoada

Por Boi da Villa   |   28.06.2019

Quando se trata de feijoada, todo mundo tem sua receita e sua preferência: com as carnes separadas ou todas juntas na mesma panela, só com cortes magros ou com o pacote completo.


PRINCIPAIS TIPOS DE CARNES PARA FEIJOADA

Nas receitas tradicionais são encontrados todos os tipos de carne de porco. Mas algumas pessoas não gostam de partes como língua, pé, rabo e orelha. Por esse motivo, existem várias maneiras de preparar o prato.

Como a feijoada é muito comum e muito degustada em todo o Brasil, o BOI DA VILLA apresenta as carnes mais utilizadas:

. Carne seca ou carne de sol;
. Carne defumada;
. Costela de porco;
. Paio;
. Linguiça;
. Lombo de porco normal ou defumado;
. Orelha de porco;
. Rabo de porco;
. Joelho de porco;
. Pé de porco;
. Bacon.

As carnes listadas acima compõem uma feijoada completa, mas existem muitas versões que levam ingredientes e carnes diferentes.


FEIJOADA PARA TODOS OS GOSTOS

Quando for fazer feijoada, é bacana ficar atento aos convidados, pois nem todos podem gostar dos ingredientes. Mas isso não significa que sua feijoada ficará sem sabor. Você pode substituir os ingredientes.
As carnes podem ser servidas separadamente e, dessa forma, o convidado fica à vontade para comer apenas o que é de seu agrado. Não é preciso abrir mão dos ingredientes e sim adaptar para que todos aproveitem; afinal, ninguém quer ficar de fora de uma boa feijoada.


FEIJOADA “LIGHT”

Especialmente para as pessoas que não gostam das carnes “diferentonas”, foi inventada a feijoada light, a versão mais leve do prato tão famoso na culinária brasileira.
Essa versão inclui carnes mais magras, como linguiça e carne seca, além do feijão preto. E é sempre muito bem acompanhada por couve, arroz e farofa.
Uma dica é utilizar laranja cortada dentro da panela. A laranja não altera o sabor, apenas absorve parte da gordura da feijoada, dando um sabor mais suave.
Para uma versão que agrade os vegetarianos, é possível optar por feijão ou outros grãos como fava, lentilha e grão de bico.


COMO DESSALGAR AS CARNES PARA FEIJOADA
Ao preparar a feijoada, é necessário ter muita atenção nas carnes e no sal delas. Para que possam ser utilizadas sem medo de alterar o sabor do prato, é preciso primeiro dessalgar todas elas.

Existe uma técnica tradicional onde o processo é simples, porém demorado. O ideal é fazer de um dia para o outro:
. Lave as carnes, coloque em um recipiente e deixe de molho por 12 horas;
. A cada 2 ou 3 horas troque a água para que o sal seja eliminado aos poucos;
. Quando completar as 12 horas, a carne estará pronta para ser usada na receita.


Outra técnica é a por osmose. Ela é muito utilizada por cozinheiros na hora de tirar o sal da carne:
. Coloque as carnes em uma panela e para cada quilo de carne adicione 3 colheres de sopa de sal;
. Coloque água suficiente para cobrir as carnes, leve ao fogo até que levante fervura, formando uma espuma branca e desligue;
. Escorra a água e lave com água corrente.

Esse resultado é alcançado por meio de um processo químico, a osmose. Quando a carne salgada entra em contato com uma solução que tenha ainda mais sal, todo sal da carne é transferido para a solução, no caso, a água. A carne não fica completamente sem sal, apenas diminui para a quantidade adequada.


DICA DO BOI DA VILLA
Use pé e orelha suínos na receita mesmo que não goste e prefira separar depois. O colágeno dessas partes do animal deixa o caldo mais grosso e saboroso.
No BOI DA VILLA você encontra carnes frescas e de boa procedência. Visite nossa loja ou fale conosco e encontre as melhores opções de carnes e temperos para serem utilizados em sua receita.

Compartilhe



Últimas notícias